Sobre

O Encontro da Fé Reformada Curitiba surgiu em uma discussão sobre a situação do evangelicalismo brasileiro frente aos ensinamentos das Sagradas Escrituras. Tal discussão aconteceu em ambiente acadêmico, isto é, em uma das salas de aula da Faculdade Presbiteriana Fatesul. Foi identificada a triste realidade de que, de modo geral, as pessoas tem abandonado o conceito de autoridade, infalibilidade e inerrância das Sagradas Escrituras, bem como de sua importância vital para a igreja de Cristo.
Diante da triste realidade constatada, chegou-se ao consenso de que algo deveria ser feito com o fim de propagar os conceitos de fé deixados pelos reformadores. Mas não apenas isto, um propósito maior tomou conta de nossos corações: buscar despertar os servos de Deus em Curitiba e regiões circunvizinhas para a realidade de que as Sagradas Escrituras devem ocupar lugar central na história e na vida da Igreja de Deus.
A primeira reunião aconteceu em meados do mês de janeiro de 2014. Os objetivos e necessidades para a realização do “Encontro da Fé Reformada Curitiba” foram delimitados. Somando forças com outros irmãos que dispuseram seus corações para o serviço e confiantes na graça de Deus, iniciaram-se os preparativos para o referido Encontro que ocorreu nos dias 21, 22 e 23 de novembro de 2014, na Igreja Presbiteriana Silva Jardim, sendo este, pela instrumentalidade Divina, abençoado com o apoio do Sínodo de Curitiba e da Faculdade Presbiteriana Fatesul.
O logo desenvolvido para o Encontro expressa o diferencial do evento, uma mistura entre a Tulipa e a Araucária. A Tulipa representa a Soteriologia Reformada (Calvinista). O acróstico em inglês “TULIP” significa:
T – Depravação Total (Total Depravity)
U – Eleição Incondicional (Unconditional Election);
L – Expiação Limitada (Limited Atonement);
I –  Graça Irresistível (Irresistible Grace);
P – Perseverança dos Santos (Perseverance of the saints).

A Araucária que por sua vez é a árvore símbolo do Estado do Paraná, não poderia estar ausente.